Quinta, 13 de Junho de 2024 23:40
Dólar comercial R$ 5,36 0.041%
Euro R$ 5,76 +0.033%
Peso Argentino R$ 0,01 +0.749%
Bitcoin R$ 379.161,32 +0.004%
Bovespa 119.567,53 pontos -0.31%
Economia Economia

Mais de 70% dos reajustes salariais superaram a inflação em 2023

Salariômetro mostra que 7.8% tiveram reajuste menor que o INPC

20/05/2023 16h05
Por: Redação Fonte: Agência Brasil
© José Cruz/Agência Brasil
© José Cruz/Agência Brasil

Sete em cada dez salários (72,5%) tiveram reajuste acima da inflação mensurada pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) em 2023, de acordo com o boletim Salariômetro, da Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe). O relatório foi atualizado nesta sexta-feira (19).

Em abril, o reajuste mediano foi de 5%, para um INPC acumulado de 4,4%. Neste mês, a proporção de reajustes acima do INPC ficou em 63,5%.O piso mediano deste mês fiou emR$ 1.554.

Considerando abril, são sete meses consecutivos em que se tem reajustes medianos acima do INPC. Neste ano, até o momento, a proporção de salários com reajuste idêntico ao INPC foi de 19,7%. Já a de salários que tiveram correção abaixo do referido índice de inflação foi de 7,8%.

O boletim também fazprojeções relativas amaio. A prévia aponta um reajuste mediano de 6,3% e piso mediano de R$ 1.531. Neste mês, as negociações com ganhos acima da inflação devem ficar em 98,2

Metodologia

O relatório é um instrumento para se entender o que resulta dos acordos firmados entre trabalhadores e patrões, em termos de reajuste salarial. Categorias como a de despachantes e funcionários de autoescolas, servidores públicos e empregados da agropecuária foram algumas das que saíram melhor das mesas de negociação ocorridas entre janeiro e maio deste ano.

A Fipe acompanha as negociações através dos acordos e convenções depositados na página do Mediador do Ministério do Trabalho. A fundação coleta os dados e informações disponibilizadas pelo governo, tabulando e organizando os valores observados para 40 resultados da negociaçõescoletivas, desagregados em acordos e convenções e também por atividade e setores econômicos.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias