Take a fresh look at your lifestyle.

O MECANISMO – Série traz agente de Rondônia infiltrado na Lava-Jato

De acordo com a produção, essa é uma obra de ficção, porém, o roteiro segue a linha de investigação da Operação Lava-Jato.

Uma produção audiovisual nacional disponível em mais de 130 países pela Netflix.  O Mecanismo tem como os alicerces informativos do seu roteiro com base no livro do brilhante repórter Vladimir Neto, intitulado: “O Juiz Sérgio Moro e os Bastidores da Operação que Abalou o Brasil”, cuja as páginas do livro cita os documentos da Operação Lava-Jato levantados pelo repórter desde 2014. De acordo com a produção, essa é uma obra de ficção, porém, o roteiro segue a linha de investigação da Operação Lava-Jato.

A produção da obra cinematográfica, é do espetacular e humilde homem brasileiro que conquistou os diretores renomados Norte-Americanos de Hollywood, José Padilha, da Série Narcos e do filme Bope. Na produção de Bope, os militares do Rio de Janeiro impetraram ações contra a obra audiovisual, até convocar Padilha e parte do elenco do filme Bope a prestar esclarecimentos do roteiro do filme no Alto Comando da Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro (RJ).

Daí você já tira o naipe como o “cara” trabalha. Ou seja, com coragem. Essa Série relata os pontos cruciais de uma investigação de décadas de serviço a pátria, na qual faz descobrir o ciclo vicioso da Corrupção no Brasil revelada nos últimos 30 anos nesta democracia. O livro 1808, também é destacado por um dos personagens, pois este faz um breve histórico da chegada da Família Real Portuguesa no Brasil e os tramites de uma Excelência trama de atos de corrupção disseminados à época, que até hoje reflete na pátria.

Entretanto, em meio a um processo eleitoral contemporâneo conturbado no Brasil. As eleições para deputados estaduais, federais, senadores e para o presidente do país, a Série foi dirigida com o objetivo de relatar para “Coxinhas” ou “Comunistas, ou “Capitalistas” e “Socialistas”, que é preciso sim saber votar, pois no Brasil a disputa política é guerra de quadrilha aparelhada pelo sistema democrático de direito.

No entanto, ainda existem pessoas que lutam por justiça neste país e nesta Série consta que tudo começa com “quatro gatos pingados” loucos e desvairados para chegar ao fim do Arco-Íris e encontrar o pote de Ouro larapiado do povo pelos poderosos do Brasil. Na trama de José Padilha, eis que surge o nome do nosso Estado.

Rondônia, nesta ficção tem um Agente Infiltrado da mais alta estirpe da inteligência brasileira, que saiu dos rincões da região Norte para compor a mais fantástica e emblemática operação do Brasil. Isso deixa evidente, que Rondônia não é para Amadores. Vai lá e assiste a Série, antes que aqueles que se sintam ofendidos possam solicitar apoio do atual estado democrático de direito à retirar a primorosa obra cinematográfica brasileira.

Comentários
Carregando...