Rolim de Moura

Rolim: Folha compromete mais de 80% da arrecadação

domingo, 31 de janeiro de 2016

Em reunião realizada na Prefeitura Municipal de Rolim de Moura (RO), com a presença dos vereadores, Associação Comercial (ACIRM), Observatório Social, representantes do Rotary Club e Lions Club, Sindicato dos Servidores Públicos Municipais da Zona da Mata (SINSEZMAT) e imprensa; Prefeito e equipe  técnica demonstraram através de relatórios que  a maior parte da arrecadação mensal do Município é consumida pela folha de pagamento de pessoal que ultrapassa a casa dos R$ 4.500.000,00 milhões mensalmente.

“De tudo o que o município arrecada, cerca de 81% fica na folha de pagamento. Os restantes 19% são utilizados para o custeio da máquina, com o pagamento de conta de energia, água, coleta de lixo e outros” explicou o Secretário Municipal de Fazenda Tiago Bampi.

Preocupado com a situação do município, o Prefeito Luiz Ademir Schock apresentou a todos os presentes os gastos reais da folha junto ao município.

O município arrecadou no ano de 2015 uma receita total de R$ 97.757.734, deste valor  R$ 23.126.364,58 são referentes a  Recursos vinculados, destinados a outros fins (não pode ser usado em folha), sobrando o valor de R$ 74.631.369,42 de  Receita que pode ser usada em folha.

Veja abaixo a tabela:

FOLHA DE PGTO 2015      Normal  Complementar
Proventos          R$ 51.341.553,46          R$ 996.808,81
INSS         R$ 1.156.714,51            R$ 9.410,21
FGTS            R$ 263.348,57                R$ 768,00
Rolim Previ          R$ 6.755.576,04            R$ 45.682,85
R$ 59.517.192,58        R$ 1.052.669,87      81,16%

Conselho Municipal de Gestão Estratégica

Pensando nos problemas e possíveis soluções para o município, o Prefeito Luiz Ademir Schock deverá criar na próxima semana o Conselho Municipal de Gestão Estratégica, que visa manter o equilíbrio da economia municipal e traçar metas para melhorar a situação financeira do município. De acordo com o prefeito o Conselho será composto por técnicos da Administração Municipal, vereadores, representantes da ACIRM e do Sinsezmat. “O que queremos é contornar essa situação e salvar Rolim de Moura”, disse o prefeito.

Para o prefeito é de suma importância realizar o pagamento dos servidores dentro do mês trabalhado, porém com a situação financeira do município não há recursos suficientes para conseguir honrar os compromissos.

“Acho justo conceder aumento aos nossos servidores e realizar o pagamento até o 5º dia útil, porém não temos condições e não quero fazer compromissos que não conseguirei cumprir” desabafou o prefeito.

O prefeito disse ainda que uma empresa especializada estará vindo para Rolim de Moura para realizar uma auditoria aprofundada no sistema previdenciário dos servidores.

Matéria: Assessoria/Ricardo Barros Silva

Publicidade
Publicidade

Enquete

Qual a sua opinião sobre o porte de armas de fogo?

Ver resultados

Loading ... Loading ...

Populares do mês

Publicidade

Fale com o Rondônia digital

para rondodigital@gmail.com