Esporte, Futebol

GENUS SEGUE PARA DECIDIR FUTURO NA COPA DO BRASIL

quarta-feira, 11 de maio de 2016

 

O Genus segue para Campinas/SP na madrugada desta quarta-feira para o segundo e decisivo jogo diante da Ponte Preta, às 20h30 (de Rondônia) válido pela Copa do Brasil. A partida será disputada nesta quinta-feira, 12, no estádio Moisés Lucarelli. O time de Rondônia perdeu a primeira partida disputada na última semana por 1 a 0, no Aluizão, e agora volta a campo para decidir seu futuro na competição.

Apesar do resultado adverso em casa, o treinador acredita no trabalho que está sendo desempenhado na equipe. “Vamos jogar dessa maneira buscando o gol. Agora é o último jogo. Temos que buscar o gol lá, mas com cautela”, frisou.

Pontin ressalta que a atenção tem que ser triplicada para o duelo em Campinas. “Jogamos contra uma equipe da Série A do Brasileiro. Nós não podíamos ter medo deles como não tivemos”, finalizou.

Após semanas de calmaria com a eliminação no Paulistão, a Ponte Preta voltou a ter dias agitados. Sem conseguir se desfazer do jogo de volta pela segunda fase da Copa do Brasil, contra o Genus, a Macaca terá que dividir o foco da estreia no Brasileirão, domingo, contra o Figueirense, em Florianópolis. Antes do confronto de ida, vencido pela Ponte, por 1 a 0, o a equipe paulista tinha planejado o triunfo por dois ou mais gols de diferença para eliminar o duelo de volta e, assim, ter a semana completa para focar apenas na estreia no Brasileiro.

ARBITRAGEM

O árbitro carioca Rodrigo Carvalhaes de Miranda apitará o duelo entre Ponte Preta-SP e Genus, no estádio Moisés Lucarelli, em Campinas, pelo jogo de volta da segunda fase da Copa do Brasil 2016.

Rodrigo Carvalhaes será auxiliado por Eduardo de Souza Couto (RJ) e Carlos Henrique Alves de Lima Filho (RJ). O quarto árbitro será José Claudio Rocha Filho (SP).

Fonte: FFER

 

Publicidade
Publicidade

Enquete

Qual sua opinião sobre a PEC 241, que limita os gastos do Governo Federal ?

Ver resultados

Loading ... Loading ...

Populares do mês

Publicidade

Fale com o Rondônia digital

para rondodigital@gmail.com