Cacoal terá novas regras para reabertura das empresas e funcionamento do comércio, afirma CironeDeiró

As novas medidas a serem adotadas para o retorno da atividade econômica no município foram discutidas em reunião entre a Prefeita Glaucione Rodrigues, osrepresentantes da Associação Comercial e Industrial de Cacoal-ACIC, da Câmara dos Dirigentes Logistas-CDL, e da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes-Abrasel, além da presença do deputado CironeDeiró.

A reunião buscou discutir os reflexos para a população pela quarentena imposta como medida de prevenção e controle do novo coronavírus.

De acordo com o parlamentar, as medidas adotas desde o início pela prefeita Glaucione Rodrigues por meio de decreto municipal foram cumpridas integralmente pelos empresários e também pelos trabalhadores. Segundo ele, passado essa primeira fase, é necessário discutir gradualmente a retomada das atividades.

“Essa é uma realidade que tem sido manifestada pelos trabalhadores e também pelos diversos segmentos que compõem a economia local”, registrou, ao defender uma nova repactuação no decreto municipal para permitir a reabertura das empresas e do comércio.

CironeDeiró alertou sobre a importância de a sociedade cumprir as orientações das autoridades da saúde em relação higiene das mãos e também de evitar aglomeração e redobrar os cuidados com os idosos e as crianças.

Segundo ele, o mundo nunca mais será o mesmo, e que novos hábitos de convívio social passarão a fazer parte da nossa rotina, tanto no trabalho, quando na vida acadêmica e de lazer. “Precisamos nos adaptar a essa realidade. Buscar sempre em primeiro lugar a proteção da saúde das pessoas e encontrar novas formas de retornarmos as nossas atividades de trabalho. Esse é o nosso primeiro desafio”, afirmou.

O presidente da Associação Comercial e Industrial de Cacoal (ACIC), Ezequias Braz Neto destacou a iniciativa da prefeita Glaucioneem acolher as sugestões e propostas dos empresários, antes de decidir sobre as medidas necessárias para a retomada da atividade econômica e a preservação dos empregos.

Segundo ele, os empresários estão comprometidos em seguir todas as diretrizes das autoridades de saúde e também da Prefeitura. “Nosso compromisso sempre será com a vida e o bem estar dos nossos colaboradores e clientes. Por isso, vamos cumprir todos os protocolos de proteção e prevenção ao novo coronavírus”, assegurou o líder empresarial.

Depois das sugestões apresentadas pelos representantes do setor empresarial, a prefeita Glaucione Rodrigues adiantou que constará do novo decreto a obrigatoriedade do uso de máscara, a disponibilidade de álcool gel, tanto para funcionários, quanto para clientes. Além da realização periódica nas empresas da desinfecção feita com hipoclorito de sódio.

As despesas relacionadas as exigências serão integralmente de responsabilidade dos empresários. Também será de responsabilidade dos empresários manter os clientes informados sobre as medidas preventivas, além de evitar aglomeração e manter um distanciamento seguro.

Fonte:Assessoria